20161227: O Quinto Dia de Viagem (Ida para Strasbourg)

Hoje, Terça-feira, dia 27/12/2016, estamos de viagem para Strasbourg. Pegamos o trem em Bruxelles, às 7h55, para Luxembourg — um pinga-fogo que parou em nove estações (Ottignies, Gembloux, Namur, Ciney, Marloie, Jemelle, Libramont, Marbehan, Arlon – todas na Bélgica). Agora estamos esperando o TGV partir de Luxembourg para Strabourg. Vai sair às 11h24 e chegar às 12h45 (com parada em Thionville e Metz – ambas na França). É outro nível o TGV (que, para quem não sabe, é Train à Grande Vitesse – Trem de Grande Velocidade). Apesar de nosso Eurail Pass, para o TGV é preciso fazer reserva de assentos, que, neste caso, ficou em 6 EUR por pessoa. Tiramos uma foto (selfie, gentileza da Priscilla, que o tirou, e da Paloma, que emprestou o fone, que tem conexão com roaming), que vou colocar aqui oportunamente.

A viagem até Luxembourg foi tranquila. O trem estava virtualmente vazio. (O TGV também está relativamente vazio). Todos nós gostamos de trens – e de viajar em trens. Pena que no Brasil acabaram com a Companhia Paulista de Estrada de Ferro, criando as malditas FEPASA e Rede Ferroviária Nacional. Quem fez isso deveria ter sido linchado.

Hoje dormiremos em Strasbourg, voltando apenas amanhã à tardinha / noitinha. O nosso studio em Bruxelles foi mantido. Já expliquei isso. Alugando um studio para quatro pessoas por um mês saiu muito mais barato do que pagar dois quartos em cada hotel em diferentes cidades. Assim, a maior parte de nossas viagens é no estilo “bate-e-volta”, ida-e-volta no mesmo dia (como ontem, em Bruges) – exceto no caso de algumas mais distantes (como Strasbourg) e/ou no caso de cidades (também como Strasbourg) que queremos um pouco mais e melhor. Acho o Centro Histórico de Strasbourg magnífico.

Estamos chegando à primeira parada, Thionville. No monitor do trem indica-se a temperatura: 6 graus centígrados. O dia está limpo e ensolarado. Espero que em Strasbourg também esteja assim, para que possamos bater perna e ver o Christmas Market de lá. Antes de ele ser aberto, há uns 15 dias, foi anunciado pela Polícia Francesa que ela havia interrompido planos de promover um ataque terrorista no dia da abertura do mercado. Tanto em Bruxelles como em Bruges os Christmas Markets estiveram bem tranquilos. Em Bruxelles, na primeira noite que fomos, houve uma comoção, com trânsito interrompido, carros de polícia passando com sirenes no máximo e velocidade idem, etc. Mas não ouvimos ou lemos nada depois. É verdade que não temos comprado jornais nem visto televisão. Mas se tivesse havido algo sério, teríamos sido informados através da Internet. Espero que, aqui, a tranquilidade perdure.

Na primeira parte desta viagem (Bruxelles / Luxembourg) comecei a ler uma trilogia que comprei ontem em Bruges, escrita por Gérard Mordillat e Jérôme Prieur. O primeiro volume tem o título de Jésus Après Jésus: L’Origine du Christianisme (2004); o segundo, Jésus Contre Jésus (1999, 2008); e o terceiro, Jésus Sans Jésus: La Christianisation de l’Empire Romain (2008). Os dois autores aparentemente não são historiadores ou especialistas em teologia. São escritores genéricos e cineastas, que têm produzido sequências de documentários sobre Jesus e a Origem do Cristianismo. Estou lendo o primeiro volume. É muito interessante. A leitura faz lembrar a dos livros de Bart D. Ehrman. Eles não têm nenhuma consideração para com as crenças tradicionais do Cristianismo (a Ortodoxia).

Bom, vou parando por aqui. Quando chegar ao hotel em Strasbourg, procurarei postar este artigo. À noite escreverei outro, tudo dando certo.

No TGV, a caminho de Luxembourg para Strasbourg, em 27 de Dezembro de 2016

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s